0

Andressa Urach segue na UTI; conheça perigos do hidrogel

Após injetar cerca de 500 ml da substância em cada perna, modelo teve complicação grave. Especialistas alertam que uso pode causar necrose, infecção, deformação, embolia pulmonar e até morte

2 dez 2014
15h32
atualizado em 8/12/2014 às 18h47
  • separator
  • comentários

Andressa Urach segue em estado grave, após complicações causadas pela aplicação de hidrogel nas pernas que fez no passado.

<p>Andressa Urach teve complicações pela aplicação de hidrogel</p>
Andressa Urach teve complicações pela aplicação de hidrogel
Foto: Paulo Eduardo / AgNews

Siga Terra Estilo no Twitter

Popeye brasileiro arrisca a vida por músculos; entenda a injeção de óleo

Internada no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Porto Alegre, desde o último domingo (30), ela respira com ajuda de aparelhos.

Tudo começou com a vontade de ter pernas mais volumosas e torneadas. A aplicação da substância, no entanto, começou a trazer problemas há cinco meses, quando teve uma infecção e foi internada para retirar parte do produto.

Poderia ser apenas uma fatalidade, mas, segundo os profissionais ouvidos pelo Terra, este tipo de procedimento não é recomendável e traz inúmeros riscos.

A dermatologista Carolina Marçon, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, explica que o hidrogel é uma espécie de gel aquoso que caiu em desuso justamente por ter trazido muitos problemas.

Segundo ela, há cerca de dez anos ele tinha duas indicações – sendo que ambas se utilizavam de pequenas quantidades e nunca com o objetivo de aumentar o volume de uma parte do corpo.

Uma delas visava suavizar o envelhecimento da pele, com preenchimentos suaves; a outra, para corrigir pequenas assimetrias no corpo ou celulites.

No caso de Andressa, o objetivo era fazer a perna ficar maior; ela já afirmou que aplicou cerca de 500 ml do produto em cada uma das pernas.

Além do uso incorreto da quantidade de produto, um dos riscos também pode estar associado à sua aplicação.

De acordo com o cirurgião plástico Marco Cassol, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a forma correta exige o uso de cânulas, com ponta arredondada, e não por meio de agulhas. “Deve-se colocar pequenos volumes em cada aplicação”, informa.

Principais riscos
Os especialistas consultados listaram alguns dos principais riscos relacionados ao mau uso do hidrogel e, entre eles, está a necrose (ausência de fluxo sanguíneo no tecido), que predispõe a infecção, como ocorreu com Andressa.

De acordo com Carolina, os casos de infecção não são comuns, mas podem levar à morte caso atinjam a corrente sanguínea. “No mínimo ela [Andressa] terá uma deformidade, porque depois de tudo isso é muito difícil ela ficar com pernas normais”.

A deformidade tem a ver com o aspecto líquido da substância. “Este gel é injetado, ele pode até dar volume, mas vai causar uma reação. Além disso, o corpo muda ao longo dos anos, e isso vai gerando deformidade a longo prazo. Por isso também caiu em desuso”, reforça Carolina.

Segundo Marco, o efeito de preenchimento desejado dura em média cinco anos, “mas o produto nunca desaparece completamente”.

O cirurgião plástico alerta ainda para outro problema comum nos casos de aplicação com agulha. “Implica na possibilidade de se injetar o produto em grande quantidade dentro de um vaso sanguíneo e resultar em embolia pulmonar com consequências gravíssimas”, alerta. Nódulos nas áreas preenchidas também são sintomas comuns.

Ambos os profissionais ressaltaram que não fazem este tipo de procedimento e não usam o hidrogel. 

A dermatologista reiteira que, atualmente, existem outras alternativas para preechimentos em pequenas correções, novamente, em pequenas quantidades e não com o objetivo de aumentar o volume de alguma parte do corpo. “Usamos produtos como o ácido hialurônico, por exemplo, que é seguro para aplicação”, afirma. “É um preenchedor temporário, que você aplica e o organismo absorve”, complementa. 

Quem é Andressa Urach?  
Andressa Urach ficou conhecida depois de ser uma das participantes do concurso Miss Bumbum em 2012, e levar o título de vice campeã. A loira também foi o centro das atenções ao afirmar ter tido um caso com o jogador Cristiano Ronaldo.

A modelo foi dançarina do cantor Latino em 2012, mas abandonou a carreira para procurar novos projetos. Em 2013, Andressa participou da sexta edição do reality show A Fazenda da TV Record e protagonizou momentos inesquecíveis, como quando tirou a roupa na piscina.

Atualmente, Urach integra a equipe do programa Muito Show da RedeTV!, onde entrevistava políticos com perguntas indiscretas. 

Famosas com botox: fotos do antes e depois Famosas com botox: fotos do antes e depois

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade