0

Estresse durante a gravidez pode causar depressão pós-parto

13 out 2012
20h19
atualizado às 20h19
  • separator
  • 0
  • comentários

Um novo estudo com animais mostra que grávidas expostas a situações de estresse constantemente podem ter os benefícios cerebrais ocasionados pela maternidade prejudicados. A pesquisa, conduzida na Universidade Estadual de Ohio, nos Estados Unidos, sugere que o estresse durante a gravidez pode ser responsável por casos de depressão pós-parto.

Durante o estudo, o grupo de cientista submeteram cobaias prenhas a estímulos estressantes. As ratas passavam por situações como confinamento e banhos, situações pra lá de incomodas a esses animais. As mães que recebiam menos estímulos tinham melhores resultados nos chamados benefícios cerebrais da gravidez e se mostravam melhor desempenho em quesitos como aprendizagem, memória e humor.

Estudos anteriores, feitos na própria Universidade, mostraram que a gravidez ocasiona o aumento das espinhas dendríticas nos cérebros das mulheres, o que influencia de forma positiva a função cognitiva.

O estresse durante a gravidez também pode acarretar partos prematuros
O estresse durante a gravidez também pode acarretar partos prematuros
Foto: Getty Images

Além dos ratos estressados não apresentarem o benefício cerebral da gravidez, eles também apresentaram menor interação física com seus bebês logo após o nascimento, o que caracteriza a depressão pós-parto.  As mães estressadas tendiam a deixar seus filhotes desprotegidos e alimenta-los com menor frequência que as mães não estressadas.

"A nossa pesquisa mostrou que o estresse deixa as mães mais vulneráveis a comportamentos depressivos", explica Benedetta Leuner, líder do estudo. "O estresse é devastador não somente para a mãe. Além da pesquisa atual, um estudo feito anteriormente havia mostrado que os filhos de mães deprimidas apresentam desenvolvimento cognitivo e social prejudicado", disse. Compreender a depressão pós-parto é importante para elucidar os problemas que essa doença da mãe pode causar no desenvolvimento da prole.  

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade