1 evento ao vivo

Diagnóstico de zika é mais efetivo em exames de urina

10 mai 2016
18h46
atualizado às 19h38
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O diagnóstico de zika por meio de um exame de urina é mais efetivo do que a partir de análises de sangue, fato que pode facilitar o processo de detecção da doença, segundo dados revelados nesta terça-feira (10) pelas autoridades sanitárias dos Estados Unidos.

Foto: Robert Byron / iStock

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA viram que em muitos pacientes não foi possível detectar rastros do vírus depois da primeira semana da doença nos exames de sangue. Já na análise de urina foi possível encontrar rastros do vírus até duas semanas depois dos primeiros sintomas.

Apesar deste achado, os CDC continuam recomendando o uso de ambos os exames para detectar a presença do vírus.

O zika é transmitido principalmente através da picada do mosquito Aedes aegypti infectado, embora tenha sido comprovado também o contágio através de fluidos corporais como urina, sangue, sêmen, líquido amniótico e saliva.

Os CDC advertiram aos que precisam viajar para zonas onde foram reportados casos de contágio local que tomem precauções para evitar as picadas de mosquitos.

Veja também:

De andador, veterano de guerra de 99 anos arrecada milhões para saúde pública britânica
EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade