PUBLICIDADE

Entenda quais os desafios e cuidados norteiam a gravidez tardia

Publicidade
A medicina considera uma gravidez acima de 40 anos como de risco, independentemente do quadro de saúde da mulher ou do feto. Isso porque pré-eclâmpsia, aumento da pressão arterial e de maior ganho de peso na gestação são riscos mais comuns nas mulheres após os 35 anos. A recomendação é a de engravidar dentro do peso ideal e garantir que as condições gerais de saúde estejam boas para minimizar os riscos
A medicina considera uma gravidez acima de 40 anos como de risco, independentemente do quadro de saúde da mulher ou do feto. Isso porque pré-eclâmpsia, aumento da pressão arterial e de maior ganho de peso na gestação são riscos mais comuns nas mulheres após os 35 anos. A recomendação é a de engravidar dentro do peso ideal e garantir que as condições gerais de saúde estejam boas para minimizar os riscos
Foto: Getty Images
Publicidade