Saiba se você é estéril e o que fazer para ter um filho

  • separator
  •  
  • comentários

Esterilidade conjugal é aquele caso em que as há condições que impedem, de modo definitivo, a obtenção de filhos pelo casal. Ou seja, quando o homem não produz espermatozoides ou quando a mulher não possui útero e ovário.

Uma mulher não pode ter filhos só se ela não tiver útero nem ovários. A existência de um dos dois, já torna ao sonho possível
Uma mulher não pode ter filhos só se ela não tiver útero nem ovários. A existência de um dos dois, já torna ao sonho possível
Foto: Shutterstock / Especial para Terra



Mas, com os avanços da medicina em relação à reprodução humana, na grande maioria dos casos, o casal que enfrenta algum problema de infertilidade poderá encontrar uma saída para ter um filho. "Os avanços na área médica tornam possível, hoje, uma mulher de 40 anos, por exemplo, ter uma gravidez tranquila", diz o médico Vamberto Maia, especialista em Reprodução Assistida do Grupo Huntington, de São Paulo.

Infertilidade e esterilidade
Um casal deve pode ser considerado com problemas de fertilidade quando não consegue provocar uma gravidez após um ano de tentativas (seis meses no caso das mulheres mais velhas). Depois desse período, um médico especialista deve ser procurado pelo casal. Na maioria das vezes, o problema pode ser solucionado com o início de algum tratamento. São poucos os casos em que há, de fato, uma situação definitiva de esterilidade.

Mesmo assim, há opções para que a pessoa estéril venha a ter um filho. Por exemplo, se a mulher tem um útero saudável, mas não produz óvulos, pode vir a engravidar depois de uma doação e de uma fertilização in vitro .

O homem que produz espermatozoides, mas não consegue expeli-los, pode recorrer a uma solução cirúrgica. Por meio de uma pequena incisão, os espermatozoides são retirados e usados em uma inseminação artificial ou fertilização in vitro . Se o homem não produzir espermatozoides, a mulher pode engravidar por meio de uma doação de sêmen de um doador anônimo.

Estéril significa, portanto, ser incapaz de gerar um filho. Nos dias de hoje, com tantos tipos de tratamento e possibilidades, isso começa a se tornar um assunto do passado.

Cross Content
Especial para o Terra













Terra

compartilhe

publicidade
publicidade