Saúde

publicidade

Hormônio intestinal pode combater obesidade e pressão alta

Hormônio produzido no intestino pode combater obesidade
Foto: Getty Images

Um hormônio produzido no intestino responsável por diminuir o apetite pode ajudar pacientes obesos a diminuir seu peso corporal e baixar a pressão arterial. De acordo com a reportagem do jornal britânico Daily Mail, a substância GLP-1 é produzida pelo intestino quando estamos comendo e foi recentemente usada em pacientes com diabetes tipo 2 para controlar os níveis de açúcar no sangue.

Cientistas da Universidade de Copenhagen decidiram então testar se o hormônio poderia tratar a obesidade após notar que os pacientes tinham uma redução do apetite. A pesquisa mostrou que os pacientes que ingeriram o hormônio por pelo menos 20 semanas perderam ao menos três quilos, mais do que os indivíduos no grupo de controle. O estudo foi publicado no British Medical Journal.

De acordo com os médicos, no entanto, alguns efeitos colaterais foram notados, como náusea, vômitos e diarréia. Mas nem isso foi suficiente para que os pacientes abandonassem os testes, sugerindo que a satisfação com o tratamento é alta.

Terra