Acupuntura e chicletes aliviam dor causada pelo aparelho

26 jun 2013
07h13
atualizado às 07h13
  • separator
  • comentários

Imaginar o sorriso alinhado depois do aparelho ortodôntico é uma boa tática para enfrentar os percalços do tratamento, entre eles, a dor. Ocorre que a força aplicada pelo aparelho provoca a movimentação dentária. Isso é possível por conta de uma remodelação óssea, iniciada a partir do processo inflamatório no periodonto – tecidos que revestem e envolvem o dente. “Todo processo inflamatório está associado a algum grau de desconforto e dor, cuja intensidade está associada ao limiar de dor de cada paciente”, diz o cirurgião dentista João Batista de Paiva, professor de ortodontia da Faculdade de Odontologia da USP.

Pesquisas mostram que o maior desconforto, em relação a dor nos pacientes ortodônticos, começa depois de quatro horas que o aparelho foi colocado e atinge o ponto máximo nas primeiras 24 a 48 horas. A partir do sétimo dia praticamente não existe mais a sensação dolorosa
Pesquisas mostram que o maior desconforto, em relação a dor nos pacientes ortodônticos, começa depois de quatro horas que o aparelho foi colocado e atinge o ponto máximo nas primeiras 24 a 48 horas. A partir do sétimo dia praticamente não existe mais a sensação dolorosa
Foto: Shutterstock

Pesquisas mostram que o maior desconforto, em relação a dor nos pacientes ortodônticos, começa depois de quatro horas que o aparelho foi colocado e atinge o ponto máximo nas primeiras 24 a 48 horas. “A partir do sétimo dia praticamente não existe mais a sensação dolorosa”, relata Paiva. Segundo ele, a dor é uma resposta multifatorial, que depende do fator emocional, cognitivo, motivacional, entre outros.

A parte não tão boa da história é que, teoricamente, em todo retorno em que o ortodontista mexe no aparelho, a dor pode voltar. Isso porque quando o especialista mexe ou troca o arco, a reação inflamatória ocorre novamente e, consequentemente, o ciclo se repete.

Alívio
A lista de itens que podem diminuir a dor durante o tratamento ortodôntico é longa – laser de baixa potência, hipnose, estímulos elétricos, acupuntura e remédios. Só é preciso ficar atento, uma vez que o uso de drogas que possuem efeito anti-inflamatório e analgésico não é aconselhado para o controle da dor durante o tratamento ortodôntico. “Se o paciente necessitar da utilização de corticoides em doses elevadas e por longo período, por motivos médicos, o tratamento ortodôntico não deve ser iniciado ou realizado”, afirma Paiva.

Para espanto de muitos, alguns especialistas indicam a goma de mascar para aliviar o desconforto causado pelo aparelho. Um estudo da Universidade de Ciências Médicas de Mashhad, no Irã constatou que pacientes que mascaram chiclete após o ajuste do acessório e de oito em oito horas tiveram melhora nos sintomas sem precisar de analgésicos.

Paiva explica que, ao mastigar chiclete, o fluxo sanguíneo do periodonto é intensificado, o que reduz o edema causado pelo trauma do aparelho e, consequentemente, amenizar a dor. “Porém, em alguns pacientes, isto pode aumentar a dor, por isso, acho que faltam estudos para a comprovação desta eficácia”.

Enquanto isso, o professor dá algumas dicas para se adaptar melhor ao aparelho.

- Pense no benefício que o tratamento irá te proporcionar. Acredite nisso e esteja motivado. Escolha um bom profissional.

- Há uma fase inicial de adaptação dos acessórios ortodônticos que serão colados nos seus dentes. Eles irão ocupar um espaço na sua boca. Não fique apertando a sua bochecha contra o aparelho para se certificar que está tudo bem. Isto pode traumatizar a mucosa produzindo aftas traumáticas desnecessárias.

- Evite alimentação consistente (dura) nas primeiras 48 a 72 horas da colocação do aparelho fixo.

- Evite alimentos pegajosos que possam grudar no arco ortodôntico e deslocá-lo da posição (o primeiro arco ortodôntico é o mais fino e o mais fácil de desinserir dos bráquetes).

- Aumente os seus cuidados com a escovação diária. Na escovação noturna, reserve um tempo maior para uma completa e ampla higienização.

Fonte: Beta Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade