2 eventos ao vivo

Treino promete queimar calorias com 4 minutos de exercícios

Nada de shakes milagrosos, dietas malucas ou horas dentro de uma academia para ficar em forma. Segundo o jornal britânico Daily Mail , um novo treino desenvolvido pelo pesquisador japonês Izumi Tabata promete diminuir a gordura com apenas 4 minutos de exercícios semanais. Izumi descobriu que praticar o HIT (treino de alta intensidade) é mais eficaz do que fazer 60 minutos de exercício aeróbico. Com a premissa de máximo de esforço possível em um tempo mínimo, o método melhoraria a capacidade aeróbica e anaeróbica (ou seja, sua energia e sua força), reduziria a quantidade de açúcar no seu sangue e liberaria ácidos graxos, que podem então ser queimado por seus músculos.

Treino desenvolvido por pesquisador queimaria calorias em pouco tempo
Treino desenvolvido por pesquisador queimaria calorias em pouco tempo
Foto: Getty Images

Infográfico: Calcule o seu Índice de Massa Corporal

O plano de exercícios funciona da seguinte forma: o aluno faz, durante 20 segundos, o máximo de repetições possível de um exercício, descansa durante apenas 10 segundos e volta a fazer mais 20 segundos. Isso se repete oito vezes. Com o treino executado da melhor maneira, os resultados seriam garantidos: mais condicionamento cardiovascular, força muscular e queima de gordura antes e depois da atividade.

Tempo: o treino dura, ao todo, 4 minutos. São oito repetições de 20 segundos, com intervalos de 10 segundos entre cada uma delas.

Repetições: ao contrário dos treinos tradicionais, a ideia é fazer o máximo de repetições possível dentro dos 20 segundos. Nos exercícios aeróbicos, o que vale é a intensidade.

Frequência: o treino é feito, geralmente, cinco vezes por semana.

Exercícios: as atividades feitas durante os 20 segundos podem ser aeróbicas ou na sala de musculação. O bom é dar preferência aos aparelhos que trabalhem vários grupos de músculos ao mesmo tempo.

Objetivos: o HIT é ideal para quem quer ganhar condicionamento cardiorrespiratório, força muscular e perder gordura. Não é indicado para quem quer ganhar muita massa muscular.

Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade