Aparelhos são importantes para saúde bucal das crianças

17 dez 2013
16h27
atualizado em 19/2/2015 às 15h35
  • separator
  • comentários

A ideia de colocar aparelho nas crianças traz lembranças dolorosas de uma “boca de metal”? Provocações, comida presa nos bráquetes por dias a fio e os dolorosos ajustes feitos a cada poucas semanas...

Pais, podem relaxar! Graças a alguns avanços incríveis na tecnologia os aparelhos que seus filhos usarão são mais leves, mais atraentes e mais confortáveis que aqueles aparelhos antigos que você lembra. Eles até funcionam mais rápido, assim as crianças não precisam usá-los por muito tempo.

Pelo fato dos aparelhos terem se tornado mais acessíveis, são mais populares, o que significa que praticamente toda criança na escola vai usar. Variações divertidas como metal e elásticos coloridos podem até transformar o velho “sorriso metálico” em uma moda legal.

Dependendo da severidade da mordida e do alinhamento dos dentes, algumas crianças podem optar por aparelhos transparentes, feitos de plástico ou material cerâmico da cor dos dentes. Embora os aparelhos transparentes sejam menos visíveis que os de metal, eles geralmente são mais caros e demoram mais para funcionar, então é uma troca justa.

Aparelhos podem apresentar muitos desafios e, claramente, uma das partes menos prazerosas é quando eles são apertados. A boa notícia é que os fios modernos são mais fortes e duráveis, significando menos visitas ao ortodontista para ajustes. Outro bônus: A tecnologia de aparelhos infantis evoluiu tanto que os aparelhos extra bucais dificilmente são usados.

Uma coisa não mudou: A necessidade de boa higiene bucal para evitar cárie enquanto usa aparelho.

Fonte: Flickr

Fonte: Amy Wruble/ Conteúdo oferecido por: © Colgate-Palmolive Company. Todos os direitos reservados Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade