Medicamentos que afetam os dentes

Alguns medicamentos têm ingredientes que pode afetar a dentição. Confira quais componentes são mais prejudiciais à saúde dos dentes:

20 fev 2017
08h00

Manchas, amarelamento e erosões são alguns dos problemas odontológicos que podem ser causados por remédios. O uso frequente de determinados medicamentos pode prejudicar muito a dentição. Veja como:

Antibiótico: Os a base tetraciclina devem ser evitados por gestantes e crianças menores de dez anos. O uso contínuo permite que a substância modifique os tecidos formados pelo cálcio e, consequentemente, causa manchas acinzentadas e/ou amareladas nos dentes.

Xarope: Algumas fórmulas possuem quantidades exorbitantes de açúcar, isso contribui para o enfraquecimento dos dentes e até formação de cáries.

O prejuízo fica ainda maior quando falamos de crianças, que ainda estão em processo de formação denta, e gestantes.
O prejuízo fica ainda maior quando falamos de crianças, que ainda estão em processo de formação denta, e gestantes.
Foto: Lucky Business / Shutterstock.com

Broncodilatadores: Bastante utilizado em tratamentos de asma, o sulfato de salbutamol causa erosões no esmalte e na dentina dos dentes de leite. Esse efeito colateral do medicamento pode causar sensibilidade e desgastes permanentes nos dentes.

É importante lembrar que todo e qualquer tipo de remédio só deve ser utilizado perante prescrição médica. A automedicação é um risco para a saúde da boca e de todo o organismo.

Seu dentista deve ser informado sobre qualquer tratamento medicamentoso que você esteja fazendo, para que assim o profissional saiba com o que está lidando e diminua as chances de danos nos dentes.

Escovar os dentes logo após a ingestão dos medicamentos ajuda a remover resíduos nocivos.

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.

compartilhe

publicidade
publicidade